Lindolfo Roberto Nascimento (desde 2022)

Lindolfo Roberto Nascimento (desde 2022)

(São Paulo, SP, 1986)

Escritor, ator, performer e diretor teatral, é autor dos livros Medusa em Braile (Desconcertos, 2021), Mandala Naïf (Desconcertos, 2020), Tímpanos Estourados (Benfazeja, 2017), Os Banheiros Mais Sujos do Mundo (Linear B, 2015) e Álcool e Fósforos no Fim do Túnel (Livre Expressão, 2012). Em seu fazer teatral cofundou a Companhia Solitária de Artes do Corpo, pela qual escreveu e dirigiu Silêncio Prenhe de Palavras, espetáculo contemplado pelo Proac Lab em 2020. Ainda pela Companhia Solitária foi contemplado com o edital VAI da prefeitura da cidade de São Paulo de 2021 com a obra A Coisa X, projeto de audiopoesia e literatura. É graduado em Comunicação Social (com habilitação em Publicidade e Propaganda) e em Comunicação das Artes do Corpo pela PUC-SP. Atualmente é mestrando em Comunicação e Semiótica pela mesma Universidade. (www.extremidades. art/x/lindolforobertonascimento). É integrante do Grupo de Pesquisa Extremidades: redes audiovisuais, cinema, performance e arte contemporânea, coordenado por Christine Mello e Larissa Macêdo.[curriculum lattes]